Análise de The Survivalists

| Introdução

The Survivalists é um novo jogo de sobrevivência da Team 17, o mesmo estúdio por trás do da série Worms. Lançado em 9 de outubro de 2020, traz tudo o que você pode esperar em um jogo desse gênero. Temos um medidor de fome e cansaço, precisamos coletar materiais, descobrir novas receitas de comida e construções, ser o líder de um exército de macacos guerreiros e trabalhadores que farão tudo por você, enquanto você admira seu súditos construindo seu reino por você… Sabe, coisas normais.

survivalists base 1024x576 - Análise de The Survivalists

| O Sobrevivente

Nosso personagem é um náufrago que vai parar em uma ilha deserta e perdida no meio do oceano. Começamos coletando pedras e gramas para fazer ferramentas básicas e começar o trabalho de sobrevivente. A progressão do jogo segue um ritmo clássico, em que começamos com as ferramentas mais básicas, e vamos evoluindo, construindo estruturas mais complexas, para construir ferramentas melhores, para construir estruturas melhores, e daí por diante. Mas, isso tudo muda quando você encontra alguns macaquinhos perdidos pela ilha. Você pode conseguir sua amizade ao ajudá-los em suas necessidades. Alguns estão famintos e ficarão felizes se você alimentá-los com uma receita especial para eles. Outros, foram capturados pelos Orcs, que vivem em várias aldeias espalhadas pelas ilhas, e se você libertá-los, eles começarão a te seguir.A evolução do personagem desse jogo ocorre através de uma árvore de tecnologias, em que você vai liberando novas opções de construção conforme constrói as coisas que já estão liberadas. Você também pode construir armas para combater as ameaças presentes na ilha, que vão desde animais selvagens, como morcegos e javalis, passando pelos orcs sequestradores de macacos, e indo até aos fantasmas e esqueletos em Dungeons que você pode encontrar em suas explorações. Infelizmente, o jogo não apresenta nenhuma opção de evolução de status do personagem, como aumentar vida e stamina, ou confecção de roupas. As armas têm diferentes níveis de força, mas elas não são tão importantes para você, pois se você já treinou alguns macacos para combate, eles darão conta de quase tudo o que puder te ameaçar, e ajudam bastante na exploração de Dungeons, as áreas mais perigosas.

Nosso personagem tem um medidor de fome e um de cansaço, e devemos cuidar desses medidores encontrando comidas e construindo uma cama para descansar. Há também uma barra de stamina e uma de vida. A stamina é usada principalmente em batalha, e é consumida demasiadamente rápida, seguindo uma ideia parecida Dark Souls, em que você só pode dar 3 ataques antes de ter de parar para se recuperar, o que pode ser perigoso se estiver enfrentando vários orcs, por exemplo. A vida é recuperada com comidas, que você encontra nas árvores, ou nos animais da ilha. Há diversas receitas para se preparar, e elas dão efeitos diferentes. O espetinho de carne, por exemplo, recupera boa parte da sua vida, mas não alimenta tanto, enquanto a salada de frutas tem o efeito contrário. Comidas mais avançadas poderão até te dar buffs.

A parte de sobrevivência do jogo é bastante fácil até. A salada de frutas, uma das primeiras receitas que você libera, já é o suficiente para te alimentar completamente, e é bem fácil de produzir com ingredientes abundantes. Morrer também não traz muitas consequências, sendo que você perde o que estava carregando e acorda na última cama que você dormiu. É chato se você tinha alguma coisa importante, mas é só ir mais preparado com armas e comidas para poder recuperar tudo.

survivalists monkey 1024x576 - Análise de The Survivalists

| Os Macacos

O grande diferencial de The Survivalists é treinar seus macacos para realizar diversas tarefas que te ajudam no trabalho de sobreviver. Esses macacos podem ser treinados imitando o que você faz, então se você quiser treinar um macaco para cortar árvores, basta selecionar um deles, e começar a cortar árvores, assim, ele começará a fazer esse trabalho por você. Isso vale para todas as atividades que você normalmente faria, como coletar materiais, construção e até combate. Basta que você dê as ferramentas necessárias, como machados, picaretas e armas, que eles farão tudo. Então, o objetivo final do jogo vai além da sobrevivência, e mira em criar um reino de macacos eficiente.Os macacos são uma adição interessante, e traz uma dinâmica bem diferente de outros jogos de sobrevivência, pois se fizer tudo direito, você não precisará ficar cuidando de cada detalhe, como colher pedras e grama, para poder avançar no jogo. Porém, isso vem ao custo de que os macacos recebem mais atenção do que o personagem jogável. Os macacos que evoluem nas tarefas que você dá a eles, ficando mais eficientes com o tempo. Você pode personalizá-los e dar nomes, podendo até ter um macaco favorito, mas o seu personagem continuará sempre o mesmo, com a mesma seleção limitada de aparência e sem ficar melhor em ser sobrevivente.

survivalists customizacao 1024x576 - Análise de The Survivalists

| Arte e Trilha sonora

A arte do jogo é bonita, mas tem alguns poréns. O design do personagem jogável é bem básico, e há uma seleção muito limitada de penteados e acessórios para personalizá-lo. As ilhas são lindas, cheias de árvores e flores diferenciadas, praias de areia branca, e água de um lindo azul. As ruínas, e os restos de civilização que encontramos, adicionam um toque de mistério muito bem-vindo, que fica ainda mais proeminente dentro das dungeons, com criaturas cujo design são os mais legais do jogo. Mas o estilo de arte seguido é um meio termo entre cartoon e pixelado, em que os personagens parecem desenho feito à mão, mas todas as suas bordas são serrilhadas, como se para imitar um design pixelado. O resultado final fica estranho em algumas partes, especialmente nos ícones de menu, onde o serrilhado é ainda mais visível. As músicas têm pouquíssima variedade, tendo apenas uma ou duas que tocam durante o gameplay, e todas bem esquecíveis.

survivalists boat 1024x576 - Análise de The Survivalists

| Um diferencial diferente

Com tudo dito, acho que o diferencial do jogo também é sua fraqueza. Como o foco é nos macacos, e em treiná-los para realizar as tarefas no seu lugar, o personagem do jogador acaba recebendo menos atenção do que deveria, e não há, como dito acima, uma evolução desse personagem. Não há roupas para produzir e deixá-lo mais resistente a danos, ou ao clima, então você deve usar os macacos para que eles façam a maioria das coisas no seu lugar. Não há como aumentar o espaço da sua mochila, que é limitadíssimo, pois você deve treinar um macaco para carregar um baú por você. A evolução de personagem que temos é em relação à árvore de tecnologias, que pelo menos ainda atiça aquela curiosidade e sensação de progresso, muito necessária neste tipo de jogo, e há várias delas. Há uma árvore para itens que você constrói com a mão, outra para a cozinha, outra para a estação de trabalho, uma para a forja, e por aí vai.
Resumindo
  • Gameplay
  • Arte
  • Música
  • Inovação
3.9

Conclusão

The Survivalist é um jogo que ganha pontos por tentar algo diferente, te dando macacos para ajudar nas tarefas de sobrevivência, e dando foco ao gerenciamento dos seus “funcionários”, mas não oferece muito em termos de evolução de personagem, ou de risco à sobrevivência, visto que os inimigos são fáceis de derrotar, e as comidas mais básicas já são o suficiente para alimentar seu personagem por completo.

Comentários