Por que o Xbox baixou de preço?

| No início

O ano era 1995. O evento era E3. Era a vez de Steve Race subir ao palco da Sony, ele simplesmente disse: “[US$] 299” e acabou.

Anúncio da E3 1995

Qual a relação com os consoles atuais? Todas. Antes, vamos fazer um breve retrospecto da situação naquela época. Havia a grande guerra dos consoles entre SEGA e Nintendo, duas veteranas se matando para conquistar público com diversas campanhas, uma mais agressiva (e divertida) do que a outra. SEGA já estava com seu console, Saturn, no mercado japonês e a Sony ainda tentava entrar no mercado de jogos eletrônicos. Esperava-se que o console da Sony, pelo que se prometia, fosse mais caro que o valor da concorrente, o qual tinha o valor de US$ 399. E assim veio o anúncio do início deste texto.

 

| Tudo bem, mas O QUE TEM A VER ISSO?

Como dito antes, Sony não tinha base de fãs como suas concorrentes. Ela precisava chegar às casas das pessoas, precisava se mostrar válida para compra. E vamos pensar como um cliente daquela época: em que investir em seu rico dinheirinho? Em um console de uma empresa que você já conhece ou de uma novata que você nem sabe se vai ter algo que te agrade? Sabendo disso, a empresa japonesa de eletrônicos resolveu gastar dinheiro para fazer dinheiro. Sabia que para lucrar com seus jogos, teria que perder em consoles, afinal, quem compra um console, compra ao menos quatro a cinco jogos de início

 

| Então o lucro vem com a venda de jogos?

Podemos lembrar que, em uma geração de consoles, dificilmente alguém compra mais de um aparelho da mesma marca. Se você compra um Super Nintendo, não vai comprar outro videogame só porque gostou da marca, a não ser que você ligue na tomada errada e ele queime. Assim, a forma de lucrar, não a única, é por base de jogos, DLC’s e assim por diante. Dizem que a Sony ganhava apenas US$ 18 por unidade de PS4 vendida, o que faz todo o sentido que agora sabemos que não são apenas os consoles que movimentam grana.

 

| Pô, legal, MAS O QUE TEM A VER COM O PREÇO DO XBOX?

Recentemente, mais exatamente no dia 29/10/2020, o perfil do Twitter da XBOXBR anunciou uma redução em 10% do valor sugerido em ambos consoles da próxima geração ficando assim conforme a imagem:

XboxSafado1 - Por que o Xbox baixou de preço?

Mas isso não é pela redução do imposto? Sim e não. Sabemos que em 26/10/2020 saiu o decreto sobre a redução da alíquota do IPI para 30%, sendo que antes era de 40%. O IPI é apenas parte dos vários impostos que compõem o valor de um produto, por isso que uma redução em 10% nesta alíquota não representariam 10% de redução no valor total do produto. Caso esteja curioso, o que forma cálculo de imposto para produto de importação é II + ICMS + PIS + COFINS +IPI. Onde:

  • II (Imposto de Importação): alíquota, isto é, taxa incidente sobre o valor da mercadoria, que pode ser de até 60%;
  • ICMS (Imposto sobre a Circulação de Bens e Serviços): alíquota; varia de acordo com o estado de destino;
  • PIS Importação (Contribuição para os Programas de Integração Social e de Formação do Patrimônio do Servidor Público): alíquota de 1,65% para quase todos os tipos de produtos importados;
  • COFINS Importação (Contribuição para o Financiamento da Segurança Social): alíquota de 7,6% para quase todos os tipos de produtos importados;
  • IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados): aplicado somente sobre produtos industrializados. A alíquota varia de acordo com o tipo de produto.

Além dessas taxas existe também uma cobrança para a utilização do SISCOMEX (Sistema Informático de Comércio Exterior), no valor de R$ 185,00 por operação, adicionado de R$ 29,50 no caso de importação de produtos diferentes dentro de um mesmo pedido.

 

| Se é o caso, por que XBOXBR fez a redução então?

Foi por isso que contamos toda a historinha do Playstation, de o motivo de vender consoles com lucro baixo ou até mesmo com prejuízo. XBOX é uma marca forte em terras brasileiras e nada mais lógico do que ela querer ficar ainda mais forte. É bem provável que a empresa fez seus cálculos e comprometeu parte de seus lucros a curto prazo para criar e aumentar sua base de consoles no país. Com isso, quanto mais pessoas terem um console da Microsoft, mais jogos serão comprados, afinal, se você tem um videogame, vai comprar jogos para ele.

Não podemos deixar de dar um alerta. No próprio perfil da XBOXBR, eles informam que é um preço sugerido, ou seja, existe a possibilidade de alguns varejistas não poderem repassar o valor menor porque provavelmente compraram para revender com a tarifação antiga e essa posição foi SUGERIDA pela XBOXBR, sendo que os valores atualizados são referentes à loja dela. Inclusive, há outros tweets recomendando que o estorno ou ressarcimento da diferença seja negociada com o vendedor e que este será responsável pela avaliação da devolução, no caso das compras que não foram feitas na loja oficial da empresa.

InkedXboxSafado LI - Por que o Xbox baixou de preço?

Vamos deixar claro que não estamos fazendo juízo de opinião, estamos mostrando os fatos, afinal, videogame é uma coisa boa e torcemos para que todos tenham um e possam se divertir independente da plataforma. Não podemos afirmar se isso é bom ou ruim, mas podemos dizer que não é novo, ao mesmo tempo que é interessante saber como funciona a guerra comercial das empresas do ramo.

Fontes:
Anúncio na E3 1995;  Como video-games fazem dinheiroLucro da Sony por consoleMicosoft também não lucra com consolesXBOXBR tweet 1; XBOXBR tweet 2; XBOXBR

Comentários