Primeiras impressões de The Iron Oath

Introdução The Iron Oath é um RPG de turnos no qual os jogadores assumem o papel de mercenários tentando sobreviver em uma região perigosa. O game em um primeiro momento, me lembrou Wartales, título este que já fiz preview para…

Análise de ITORAH

Introdução ITORAH é um metroidvania que apresenta a jornada de uma jovem garota em um mundo fantástico. O game logo me chamou a atenção com seu estilo artístico pela sua jogabilidade que aparentava ser bem fluida. Particularmente, sou um grande…

Análise de Outlast

Feito para os fãs Outlast é a experiência perfeita para aquelas pessoas que são fãs de terror. Frequentemente, os filmes de terror são criticados pela sua falta de originalidade, apostando tudo em jumpscares barulhentos, na intenção de assustar o espectador…

Análise de Glitchhikers: The Spaces Between

Glitchhikers: The Spaces Between apresenta uma jornada no espaço entre lugares. Quem você irá encontrar e sobre o que irão falar? Sua proposta é descobrir as respostas para essas perguntas, além de encontrar diversas outras dúvidas e reflexões. Ele foi…

Análise de Crystar

Enfim, no Switch Crystar foi lançado lá em 2019, para PS4 e Pc. Ele não teve um lançamento estrondoso, mas recebeu os devidos elogios, tanto dos fãs, quanto da crítica. Porém, algumas pessoas ainda não o conheciam.  Agora, ele recebeu…

Análise de Two Point Hospital: Speedy Recovery

Introdução Two Point Hospital é um game de gerenciamento de hospital que permite que os jogadores criem, personalizem e tratem diversos pacientes. Embora pareça uma premissa básica inicialmente, o jogo consegue se destacar bastante por fazer bom uso do humor,…

Análise de Syberia: The World Before

Introdução Syberia: The World Before é um game de aventura que levará os jogadores para duas épocas distintas. A grande premissa do título é apresentar duas protagonistas diferentes, sendo que cada uma delas terá que lidar com diferentes desafios e…

Análise de Castle Morihisa

Introdução Castle Morihisa é um game que mistura elementos roguelike com estratégia envolvendo construção de deck de cartas. Esta junção de elementos logo aparenta ser promissora, pois, temos aqui dois aspectos que me agradam bastante. Anteriormente, eu não era muito…

Análise de Never Alone

Um exemplo de MULTIPLATAFORMA Never Alone foi lançado lá em 2014 para PC,PS4 e One e recebeu alguns prêmios na época, como o de melhor jogo de impacto no Games for Change Award. Porém, só agora em 2022 que a…

Análise de Grow: Song of the Evertree

Introdução Grow: Song of the Evertree é um game que mistura elementos de gerenciamento e exploração. A premissa, é que os jogadores explorem grandes locais, coletem materiais e reconstruam uma cidade devastada por uma força obscura. Logo, meu interesse no…