Matheus Morigoni
5 Articles0 Comments

Caçula da equipe Garota no Controle, tradutor de anime/mangá e vestibulando de Letras. Sempre estou pendurado no limbo de escrever e pensar em escrever. Acumulador compulsivo de arquivos variados — jogos, livros, filmes, e todas as mídias relacionadas a Scooby-Doo!

5 jogos revolucionários

Critérios: o que são jogos revolucionários? Enquanto os videogames vem conquistando seu lugar ao sol, eles são inseridos no nosso cotidiano, mudando nossa percepção de vida e maneira de pensar. Primordialmente, quando pensamos em livros marcantes, talvez muitos autores consagrados…

Diablo — histórias humanas e ameaças demoníacas

Olá, meu amigo, fique um pouco e ouça O primeiro jogo da série Diablo, lançado em 31 de dezembro de 1996 foi, para muitos, o primeiro contato com um RPG de ação. Nessa época, diversos outros jogos haviam apostado no…

Darkest Dungeon: aprendendo a falhar

Um pouco de esperança, por mais desesperada que seja, nunca é sem valor Imagine que você acabou de comprar Darkest Dungeon, e após assistir a cutscene inicial, um aviso aparece: “Em Darkest Dungeon você deve tirar o máximo de uma…

Free Fire NUNCA foi só um joguinho

Os nossos “joguinhos” Muito antes de investir no desenvolvimento de Free Fire, a Garena trabalhou em Point Blank, um dos jogos mais populares do Brasil nos últimos anos. Naquela época, Tibia e Point Blank eram alguns dos muitos nomes falados…

Death Stranding em tempos de COVID

As ambições de um novo gênero Após muitos comentários do que viria a ser o novo trabalho de Hideo Kojima, Death Stranding, poucos meses antes da pandemia da COVID-19, foi lançado em 8 de novembro de 2019. Muito embora meu…